Conhecer nosso passado, entender o presente e construir o futuro – parte 1

Como primeira parte do projeto de estudo dos alunos do 7º ano na área de Geografia, História e Ciências, fizemos uma visita ao Centro Histórico de São Paulo.

Na intenção de conhecer o contexto da origem e do desenvolvimento da cidade, realizamos um roteiro que constata um testemunho ainda existente do crescimento de São Paulo.

Conhecer o entorno do Teatro Municipal, subir no Farol Santander,  percorrer o Viaduto do Chá e o Vale do Anhangabaú, andar pela Rua Direita, passar na Bolsa de Valores e chegar até a Praça da Sé, no Marco Zero do Estado de São Paulo, foi só o começo dessa aventura do conhecimento.

Visitamos também o Páteo do Colégio, o Mercado Municipal, a Vila Inglesa e a Estação da Luz. Todos estes marcos são memórias vivas do crescimento e da importância da cidade.

Em seguida, partimos para o segundo eixo em importância cultural e econômica da cidade: a Avenida Paulista. Lá visitamos o Parque Trianon (com sua reserva de mata atlântica no meio da cidade), o MASP e caminhamos pela avenida contemplando os imensos e imponentes arranha-céus até outro ponto importante da história política e cultural de São Paulo e do Brasil: a escadaria do prédio da Gazeta, palco de comemorações e manifestações que mudaram a trajetória de nosso povo.

Escondido entre de centenas de prédios, nosso centro histórico ainda é testemunha de momentos cruciais da formação do espaço e da comunidade a que fazemos parte: visitá-lo é sem dúvida conhecer mais de nós mesmos. ”

José Roberto Dias

Coordenação EF 2

Sustentabilidade – 6º ano Conhecimento e Ação

  Como parte do projeto de estudo sobre Sustentabilidade, os alunos do 6º ano realizaram mais uma etapa em uma saída de estudo planejada com foco em RECICLAR.

  Nesta saída, os alunos visitaram uma Cooperativa de Catadores, na região de Pinheiros, e levaram como doação os materiais recicláveis recolhidos durante as ações na Festa Junina See-Saw Panamby 2018, e em campanhas internas da escola.

  Também visitaram a Central Mecanizada de Triagem da Prefeitura e o Aterro Sanitário Bandeirantes. Nestes dois últimos, tiveram a oportunidade de conhecer o sistema automático de separação dos materiais recicláveis e como é feita a destinação da imensa quantidade de resíduos domésticos e hospitalares gerados todos os dias em parte da cidade de São Paulo.

 

José Roberto Dias

Coordenação EF 2

Está aberta a temporada de caça aos minibeasts na See-Saw

As idas ao parque ganharam um novo significado desde que começamos a explorar o universo dos bichinhos de jardim!

As crianças aprendem sobre suas características em sala de aula através de livros, pesquisas e vídeos informativos, complementam seus conhecimentos de forma contextualizada ao interagirem com lagartas, borboletas, formigas, joaninhas e outros insetos.

Acreditando na importância da conscientização e preservação da natureza, temos como objetivo fazer com que os alunos conheçam e identifiquem os bichinhos em sua habitat natural, propondo situações de aprendizagem que despertem a curiosidade, a descoberta do novo, a busca e formulação de explicações para suas curiosidades.

Professoras Carla Ventre, Karina Zuquetto, Kely Silvestre e Mariane Rondena.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Workshop/Curso Prático de Biotecnologia

Os alunos do 8º ano tiveram a oportunidade única de um estudo de meio na área de biotecnologia, numa parceria entre a Escola See-Saw/Panamby e o Núcleo de Terapia Celular e Molecular (NUCEL) da Faculdade de Medicina da USP. Integrando os conhecimentos adquiridos em Ciências (currículo nacional) e Science (currículo em inglês), os alunos foram desafiados a entender e colocar em prática diversos conceitos da área de engenharia genética, terapia celular e desenvolvimento de novas tecnologias em um laboratório de pesquisa de ponta. Desvendar com a ciência desafios sobre hemofilia, diabetes, gerar bactérias transgênicas através do DNA recombinante, e participar dos projetos desenvolvidos na NUCEL pelos pesquisadores foram algumas das atividades práticas desenvolvidas ao longo de dois dias de muita pesquisa e aprendizagem.

José Roberto Dias

Coordenação EF 2

 

Que caverna é esta?

Em continuidade ao projeto realizado em sala de aula, os alunos do 8º ano visitaram o Quilombo de Ivaporunduva e as cavernas do Parque Estadual e Turístico do Alto Ribeira (PETAR). Acompanhados dos professores Vinicius, de Geografia, e Agenor, de Língua Portuguesa, os alunos tiveram oportunidade de conhecer ambientes muito diferentes da sala de aula e vivenciar situações que trouxeram muito aprendizado. A convivência com a cultura do quilombo, a ciência e pesquisa desenvolvidos na Reserva Ecológica Betari e a exploração das cavernas trouxeram aos alunos uma oportunidade de crescimento pessoal e de experimentação que enriquecem todo o trabalho desenvolvido dentro da sala de aula.

José Roberto Dias – Coordenação Pedagógica Ensino Fundamental 2

Conservação e o uso racional da água: novos hábitos para um novo tempo.

Os alunos do 6º ano estão estudando o ambiente e o uso racional dos recursos naturais. Dentro deste estudo, que envolve várias disciplinas, estão vários projetos. Dentre eles está o estudo do nosso entorno, e nesse projeto os alunos do 6º ano irão conhecer no próximo dia 27 a nascente do rio Tietê e acompanhar seu percurso até a cidade de São Paulo. Para enriquecer este estudo, tivemos esta semana em nossa escola a Engenheira e Mestre em Hidráulica e Saneamento Virgínia Sodré. Na empresa Infinitytech ela trabalha com soluções de engenharia para o uso racional da água e em projetos de desenvolvimento ambiental. Recentemente participou do Fórum Mundial da Água e compartilhou conosco importantes conhecimentos sobre o uso consciente da água, sobre sua utilização no Brasil e no mundo e sobre a preservação dos recursos hídricos. A Virgínia e seu filho Antônio presentearam os alunos com ampulhetas que ajudam a controlar o tempo ideal de banho, evitando o desperdício de água.

José Roberto Dias

Coordenação Ensino Fundamental 2